Ufes presente na abertura da 10ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa

A vice-reitora Ethel Maciel representou a Ufes na solenidade de abertura da 10ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa no Espírito Santo, promovida pelo Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) nesta segunda-feira, 5.
 
A solenidade foi realizada no Salão Pleno do Tribunal, e contou com a presença do ministro da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU), Wagner de Campos Rosário; do governador Paulo Hartung; do presidente do TJES, desembargador Sérgio Luiz Teixeira Gama; do supervisor da Coordenadoria da Violência Doméstica do TJES, Desembargador Fernando Zardini Antônio; e da juíza Hermínia Maria Silveira Azoury, coordenadora estadual da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do TJES, entre outras autoridades.
 
O Presidente do Tribunal de Justiça fez a abertura oficial do evento destacando a importância do trabalho que o Poder Judiciário realizará durante toda esta semana. Até sexta-feira, dia 9, as mulheres poderão fazer atendimentos no ônibus rosa do Juizado Itinerante da Lei Maria da Penha, de 06 a 09/03, das 09 às 17 horas, na Praça Otávio Araújo, em frente ao Fórum da Prainha, em Vila Velha.
 
Comportamento
 
Em nome do Governo do Estado falou o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, André Garcia, destacando a importância da sociedade debater o tema. “Mudanças de comportamento demoram para ocorrer, às vezes levam anos. Por isso, devemos continuar debatendo constantemente esse tema de violência contra as mulheres”, disse o Secretário.
 
O ministro da Transparência fez uma palestra ressaltando a importância da integração na busca da mudança do comportamento da sociedade. “Não existe um único órgão capaz de promover essa mudança, tem que ser uma integração da sociedade, com o governo e com todos os Poderes, e eu acho que o mais importante é a união de todos”, disse.
 
Além disso, ele destacou que a repressão não é efetiva no combate da violência, e que é necessário trabalhar com as crianças a prevenção, mostrando a importância do respeito ao próximo. “Nós temos iniciativas na CGU acerca da prevenção para que a criança aprenda noções de cidadania e ética”, comentou.
 
Serviços
 
A juíza de Direito, Hermínia Maria, enfatizou que, 10ª Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa no Espírito Santo, as mulheres também terão acesso a serviços de orientação jurídica, expedição de Boletins de Ocorrência (BO), prisões preventivas e concessão de medidas protetivas, bem como atendimento social e psicológico. O Tribunal também vai agilizar processos e trabalhar com mais empenho e de forma dinâmica. “A semana começou com o lançamento de conscientização de toda a sociedade e das mulheres de modo geral”, comentou.
 
Os magistrados do Poder Judiciário do Estado também realizarão audiências, júris e julgamentos de processos sobre violência doméstica e familiar contra mulheres.
 
Também estiveram presentes na solenidade de abertura o senador Magno Malta; a deputada estadual Luzia Toledo; a promotora de Justiça, Cláudia Regina dos Santos Albuquerque Garcia; a vice-presidente da OAB–ES, Simone Silveira; a juíza do Trabalho, Lucy Fátima Cruz; o secretário estadual da Educação, Haroldo Correa Rocha; a secretária estadual de Comunicação, Andreia Lopes; o comandante da Polícia Militar do Espírito Santo, coronel Nylton Rodrigues Filho; e a vice-prefeita da Serra, Márcia Lamas.
 
 
Com informações e foto do Tribunal de Justiça
 
 
Categoria: 
Destaque
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.