Ufes e Governo do ES celebram Dia Internacional de Mulheres e Meninas na Ciência

A Ufes e o Governo do Estado celebraram nesta segunda-feira, 11, o Dia Internacional de Mulheres e Meninas na Ciência. A data foi celebrada com um encontro, seguido de debate, realizado na sala de reuniões da Reitoria da Ufes, da qual participaram o reitor Reinaldo Centoducatte; a vice-reitora Ethel Maciel; a vice-governadora Jaqueline Moraes; a secretária de Estado de Ciência, Tecnologia, Inovação, Educação Profissional, Cristina Engel; o diretor-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), Denio Arantes; além de diversas mulheres pesquisadoras e representantes de comissões femininas de diversos segmentos.

Clique aqui e assista às entrevistas realizadas pela TV Ufes.

Esta foi a primeira vez em que a data, criada em 2015 pela Unesco, foi comemorada no Espírito Santo. O objetivo do encontro foi conversar sobre as experiências e trajetórias de algumas mulheres representativas no desenvolvimento de pesquisas no Estado.

O reitor deu as boas-vindas aos presentes e agradeceu às pesquisadoras que lutam para dar continuidade às suas pesquisas, garantindo a presença feminina no universo científico: “Queremos que aqueles que viverão no futuro tenham um futuro melhor que o que tivemos”. 

A secretária Cristina Engel, que conduziu o evento juntamente com a vice-reitora Ethel Maciel, destacou que menos que 30% dos pesquisadores do mundo são mulheres, fato que motivou a Unesco a dedicar o dia 11 de fevereiro às mulheres e meninas que atuam na ciência em todo o mundo.

“Somos 51% da população capixaba. O papel da mulher na ciência não é compatível com o papel da mulher na sociedade”, destacou a vice-reitora.

Capacidade

Para a vice-governadora, Jaqueline Moraes, os fatores que impedem a maior participação das mulheres na ciência não se diferenciam daqueles que impedem maior participação das mulheres em outros setores. 

“Temos que passar a mensagem de que é possível, de que as mulheres têm a mesma capacidade. Temos que dizer às mulheres: você pode! Temos que continuar essa luta e acreditar que, no estado do Espírito Santo, a mulher tem espaço no centro do poder”, destacou. 

Após a abertura do evento, foram convidadas a falar sobre suas experiências as pesquisadoras Denise Endringer, da Universidade de Vila Velha (UVV); e Fernanda Amorim, Marcia Oliveira, Adriana Ilha e Raquel Frizera, da Ufes.

A secretária Cristina Engel encerrou o evento desejando que o debate realizado sirva de incentivo para que mais mulheres se dediquem às atividades científicas.

 

Texto e foto: Thereza Marinho

 

 

Categoria: 
Destaque
Evento
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.