Ufes e Universidade de Cabo Verde assinam acordo de cooperação acadêmica

A Ufes dá mais um passo na consolidação da internacionalização acadêmica. A partir deste mês de agosto, a Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) é mais uma instituição parceira. O acordo foi assinado no gabinete da reitoria da Universidade de Cabo Verde, sediada em Praia, capital do país africano, pelo coordenador de Mobilidade da Secretaria de Relações Internacionais da Ufes, professor Jair Adriano Lima Silva, e pela reitora da Uni-CV, professora Judite Nascimento (foto).

O acordo tem como objetivo a realização de intercâmbio de docentes, estudantes e técnicos-administrativos em áreas de mútuo interesse; elaboração conjunta de projetos de pesquisa, organização conjunta de eventos científicos e culturais; e cursos e disciplinas compartilhados.

A Uni-CV tem cursos de pós-graduação na Escola de Negócios e Governação; Escola de Ciências Agrárias e Ambientais; Faculdade de Ciências Sociais, Humanas e Arte; e Faculdade de Engenharia e Ciências do Mar. Para conhecer mais os programas de cada pós-graduação basta acessar http://www.unicv.edu.cv/ensino/pos-graduacao.

O professor Jair apresentou a Ufes aos pró-reitores e estudantes da Uni-CV, que conheceram os programas de pós-graduação e os modos como podem concorrer às bolsas de financiamento para esses estudos. O professor é um cabo-verdiano que, em 1997, chegou à Ufes como estudante do curso de Engenharia Elétrica, onde também cursou o mestrado e doutorado. Atualmente, ele é professor do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica (PPGEL) e pesquisador bolsista de Produtividade do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) nível 2.

Para a secretária de Relações Internacionais da Ufes, professora Patrícia Alcantara Cardoso, “o acordo é um modo de promover a integração entre as duas instituições de ensino, visando beneficiar suas comunidades, de forma indissociável e interdisciplinar”. A Ufes possui acordos de cooperação acadêmica com as universidades da Alemanha, Argentina, Austrália, Canadá, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Irlanda, Itália, México, Moçambique, Noruega, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Reino Unido, Rússia, Turquia e Uruguai. “E agora em Cabo Verde”, acrescenta Patrícia.

Estudantes estrangeiros na Ufes

Só este ano, a Ufes recebeu 50 estudantes de graduação e pós-graduação estrangeiros. “A chegada dos estudantes, na maioria das vezes, depende do calendário acadêmico das universidades de origem. Por exemplo, nas instituições de ensino do hemisfério sul, o calendário acadêmico começa em março. Já nas do hemisfério norte, em setembro”, explica professora Patrícia.

Assim, no começo deste ano vieram para os campi da Universidade 31 alunos dos seguintes países: Bolívia, Colômbia, Cabo Verde, Namíbia, Gana, Itália, Venezuela, México, Haiti, Honduras, Equador, Peru, Argentina, Uruguai, França e Cuba. No segundo semestre, vieram 19 alunos da Alemanha, Portugal, França e Itália. 

Texto: Letícia Nassar
Foto:Universidade de Cabo Verde
Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
60 anos da Ufes
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Reestruturação e Expansão das Universidades Federais
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.