Jornal Informa: Resolução estabelece normas de afastamento para qualificação

A edição 524 do jornal Informa, que está circulando nos campi da Ufes (clique aqui para ler a edição completa) destaca que os servidores técnico-administrativos em Educação da Ufes têm novas normas de afastamento para participação em cursos de capacitação nas modalidades de qualificação e aperfeiçoamento. Os cursos podem ser realizados na própria Ufes ou em outras instituições de ensino, no País ou no exterior.

A nova resolução foi aprovada pelo Conselho Universitário no dia 8 de junho. O objetivo é manter e ampliar a qualidade dos técnico-administrativos na prestação de serviços da Universidade, garantindo ainda, a capacitação como complemento de sua formação profissional, tornando-os mais aptos a desenvolver suas atividades.

Segundo a resolução, caracteriza-se como afastamento para capacitação a dispensa total ou parcial do servidor de seu cargo, para participar de diferentes modalidades de formação, atualização e aperfeiçoamento profissional, que visam a contribuir com o seu desenvolvimento e com a melhoria de sua eficiência e com a qualidade dos serviços prestados, de acordo com as necessidades da Instituição.

A vice-reitora Ethel Maciel afirma que este foi um compromisso assumido pela gestão com os servidores técnico-administrativos, atendendo a uma demanda da categoria: “Nós nos empenhamos para agilizar o processo de elaboração da resolução e de inclusão do assunto na pauta do Conselho Universitário para votação. É uma forma de beneficiar todos aqueles que buscam se qualificar e progredir na carreira”. 

Comissão

O pró-reitor de Gestão de Pessoas da Ufes, Cleison Faé, explica que, antes, o afastamento dos técnicos ficava a critério da chefia imediata. Era ela quem decidia se o servidor ia se afastar ou não. Com as novas regras, o processo de liberação ficou mais democrático, pois cada unidade de nível estratégico da estrutura organizacional da Universidade deverá formar uma Comissão de Planejamento da Capacitação de Servidores Técnico-Administrativo em Educação (CPCS), que analisará os processos de liberação dos servidores para qualificação. A eleição para a escolha dos membros da CPCS deve ser realizada ainda neste mês de julho.

“Essa Comissão terá a responsabilidade de enviar, anualmente, ao Departamento de Desenvolvimento de Pessoas da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (DDP/Progep), sempre no mês de outubro, o seu planejamento interno de capacitação dos seus servidores para o ano seguinte, incluindo a programação das licenças e os nomes dos servidores, bem com os critérios de afastamento. Esse planejamento deverá incorporar ao Plano Anual de Capacitação dos Servidores Técnico- Administrativos em Educação da Ufes”, enfatizou o pró-reitor.

As normas completas que tratam sobre o afastamento dos servidores para qualificação, bem como as modalidades dos cursos, concessão de carga horária, solicitação e os procedimentos para participar da CPCS estão descritos na Resolução nº 21/2017 do Conselho Universitário (CUn), disponível no site do Departamento de Administração dos Órgãos Colegiados Superiores (Daocs): www.daocs.ufes.br .

O jornal Informa traz ainda outros destaques desta edição:

- Ufes matricula seu primeiro estudante com Síndrome de Down
- Estudantes da Ufes presentes na Competição Baja SAE Brasil
- Professor receberá prêmio internacional por contribuição à ciência e tecnologia
- Museu de Ciências da Vida realiza 2º Workshop de Plastinação
- Cia de Dança Andora Ufes representará a cultura brasileira na Itália
- Coral de Estudantes cantará a diversidade
 

Para ler esta e outras edições do jornal Informa, acesse http://comunicacao.ufes.br/edi%C3%A7%C3%B5es-2017 .

 

Categoria: 
Destaque
60 anos da Ufes
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Reestruturação e Expansão das Universidades Federais
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.