Ciência para a Redução da Desigualdade será o tema da SNCT de 2018

A Ciência para a Redução da Desigualdade será o tema da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) de 2018. O anúncio foi feito nesta quarta-feira, 25, durante a solenidade oficial de abertura da Semana do Conhecimento, realizada no campus de Goiabeiras com a presença de autoridades, pró-reitores e diretores de centros de ensino. O evento é realizado em conjunto com a Semana Nacional e Estadual de Ciência e Tecnologia, que este ano aborda o tema “A matemática está em tudo”.

“Hoje o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações anunciou o tema da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia de 2018, que será “Ciência para a Redução das Desigualdades”. O evento acontecerá em todo o Brasil de 15 a 21 de outubro. Outra novidade é que, no próximo ano, haverá uma Mostra de Desenhos para a seleção da logomarca da Semana. As inscrições já começam em novembro deste ano”, anunciou o coordenador da Comissão Organizadora da Semana do Conhecimento, professor Armando Biondo.

Na Ufes, a Semana do Conhecimento inclui a XXVII Jornada de Iniciação Científica, a V Jornada Integrada de Extensão e Cultura, a Mostra de Profissões e o Circuito de Difusão e Popularização da Ciência e Tecnologia. A programação teve início no dia 23, no campus de Alegre, e se estende até sexta-feira, dia 27, nos campi de Maruípe e Goiabeiras. No campus de São Mateus as atividades serão realizadas no dia 9 de novembro. Veja a programação completa no arquivo anexado abaixo.

A novidade deste ano é que a Semana também agrega o Dia C da Ciência, uma mobilização nacional em prol das instituições públicas de ensino superior promovido pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes). O Dia C da Ciência tem por objetivo sensibilizar e informar a sociedade sobre a importância das pesquisas desenvolvidas nas universidades e nos institutos tecnológicos, mostrando como essas atividades melhoram o cotidiano das pessoas, das cidades e do País.

Resistência

Durante a solenidade de abertura, a subsecretária estadual de Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional, Camila Dalla Brandão (na foto, em pé), destacou a importância da Semana e, especialmente, do Dia C: “É um dia que marca a luta por mais recursos para a Ciência. É muito importante ver iniciativas como esta”.  

A vice-reitora Ethel Maciel reafirmou o significado da iniciativa: “Hoje, todo o pais está em um movimento de resistência pela Ciência. E, em um momento de poucos recursos, realizar essa semana é uma conquista”.

Para o reitor Reinaldo Centoducatte, a Semana do Conhecimento e o Dia C são formas de motivar a sociedade para a importância da produção do conhecimento. Ele disse ainda que a atual conjuntura nacional ameaça as universidades públicas mas que, com o apoio da sociedade, as instituições vencerão o desafio.

“Essa semana agrega tudo o que a universidade faz. É uma forma de mostrar à sociedade o que a universidade produz. Vivemos momentos difíceis neste país, mas posso assegurar que, do ponto de vista da nossa gestão e da nossa comunidade, nós resistiremos e cumpriremos nosso papel na sociedade, promovendo o desenvolvimento econômico e social. Com o apoio da nossa sociedade, atravessaremos este mar revolto, contribuindo para um futuro melhor para todos”.

 

Texto: Thereza Marinho
Foto: Hildomar Bucher

 

Categoria: 
Destaque
Evento
60 anos da Ufes
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Reestruturação e Expansão das Universidades Federais
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.